Chegou a hora de Cotingo: “Dilma cobra mais energia da Amazônia”

by

Parece que chegou a hora da Hidrelétrica do rio Cotingo em Roraima. Leia essa matéria de Leila Coimbra que trata da determinação da Presidente da República, publicada na Folha de São Paulo

“O novo presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, irá assumir a estatal com a missão de achar novas fontes renováveis na Amazônia e nos países vizinhos ao Brasil para a geração de energia.

O objetivo é investir R$ 210 bilhões em parceria com o setor privado nos próximos dez anos para garantir o abastecimento da eletricidade de que o país necessitará no futuro próximo, informa reportagem de Leila Coimbra a Folha de São Paulo.

Carvalho Neto recebeu na segunda-feira do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, documento por escrito com orientações gerais acerca da estatal. Entre elas, a necessidade de buscar novas oportunidades de investimentos em energia renovável, especialmente nos potenciais hidroelétricos, que estão se esgotando.

Também foi colocado como prioridade, segundo Carvalho Neto, o desafio da internacionalização da Eletrobras, que deverá buscar parcerias com países vizinhos para a construção de novas usinas e também linhas de interconexão energética entre os países.”