Anauá, o parque ignorado

by

São 97 hectares do belo “lavrado” de Roraima dentro de Boa Vista. Um anfiteatro ao ar livre (que jamais funcionou), um museu (escondido), um lago, um espaco para dança, churrasqueiras, escola infantil(totalmente esquecida), estacionamento, mangueiral(morrendo), cajueiral(que não produz), alamedas(tomadas pelo capim), espaço para caminhadas (hoje perigosas). Mais um Ginásio de Esportes (Totozão), uma escola de música, uma praça, uma piscina semi olímpica, um cartódromo. É coisa como se diz: “de mais da conta”. Mas tudo esquecido, ignorado, mal tratado, sem zelo, dentro do mato.

Afinal, parque é coisa municipal. Existe na Prefeitura um Departamento de Parques e Jardins. Mas o Anauá, incrivelmente, é estadual. Isso não se vê em lugar algum do Brasil. Mas sendo de um ente ou de outro, o que os verdadeiros donos do parque (nós, o povo) querem é um Parque digno que sirva para o encontro da família, para lazer, para melhor qualidade de vida.

PS.: o que você tem a ver com o Parque Anauá? Como você gostaria que ele fosse tratado? De quem devemos cobrar pela sua manutenção?